Archive for the ‘Peter Gabriel’ category

Top 20 – filmes e vídeos de música (parte 2)

22/01/2017

Em 1988, conhecia Peter Gabriel de nome e da capa do Plays Live, mas musicalmente só havia escutado Sledgehammer, que não gostava. Então, aquele show dele na turnê da Anistia Internacional foi seu cartão de visitas para mim. As músicas eram ótimas, mas o que me impressionou mesmo foi a teatralidade dos músicos dispostos sobre degraus no palco e duas gruas de iluminação que baixavam e levantavam como elementos cênicos, literalmente contracenando com o cantor. Um espetáculo! E até a versão de ao vivo de Sledgehammer ficou boa. Mal sabia eu que aquela apresentação espremida entre os shows de Sting e Bruce Springsteen era apenas uma pálida ideia do que era um show de Gabriel em turnê própria. O que, infelizmente, só pude constatar por vídeo. E muitos e muitos anos depois.

secret-world-live

Secret World Live (1994), Peter Gabriel.

Secret World Live foi o filme (e disco) da turnê do álbum Us (1992), tão bom quanto o So (1986), gravado em Modena, na Itália, em 1993. No álbum, a voz feminina pertence a Sinéad O’Connor, mas na turnê o vocal ficou por conta de Paula Cole. Após uma sensacional abertura com Come talk to me, o setlist poderoso do show parece apenas servir ao impacto visual da performance de Gabriel e sua banda. E isso não é pouco.

growing-up-live

Growing Up Live (2003), Peter Gabriel.

Aí, quando você pensa que não veria nada tão deslumbrante em outro show dele, ainda mais com idade avançada, já tendo se tornado um sósia de Paulo Coelho, eis que um amigo fanático por Genesis me empresta o DVD de Growing Up Live, gravado em 2003 também na Itália, dessa vez em Milão. Destaque para a filha de Gabriel, Melanie Gabriel, nos vocais. As filmagens foram dirigidas por Hamish Hamilton, responsável pelos dois registros ao vivo da turnê Elevation do U2, que estão justamente entre os meus preferidos.

Pena que o álbum da turnê é o mediano Up, que colabora com muitas faixas para o setlist. Mas o palco estilo arena e a dinâmica criada, turbinado com a vitalidade de Gabriel pulando dentro de uma bola de borracha, conseguem superar o visual de Secret World. E você fica que nem o marcador de Garrincha, se sentindo um bobo por achar que não iria cair duas vezes no mesmo drible.